Para a empresa, energia solar é uma forma econômica de produzir energia limpa e sustentável

A Google, queridinha da internet, mostrou que tem mesmo uma resposta para tudo. E para fugir de contas altas e de fontes poluidoras de energia, a resposta foi investir em energia solar. A empresa, uma das principais no setor de tecnologia do mundo, anunciou, no dia 16 de janeiro, que irá instalar 1.6 milhão de painéis solares nos dois novos data centers da companhia, localizados no Sudeste dos Estados Unidos, sendo um no Tennessee e o outro no Alabama.

A instalação desses painéis solares dará à Google capacidade de produzir 413 megawatts de energia fotovoltaica. Segundo comunicado oficial da empresa, o investimento equivale, aproximadamente, ao tamanho de 65 mil residências com telhados fotovoltaicos. Ainda de acordo com a Google, a ideia é que todos os seus novos empreendimentos utilizem apenas energia renovável desde o primeiro dia de funcionamento e, ao longo prazo, que todos os seus data centers possam produzir a própria energia sem emissão de carbono.

As novas fazendas solares da Google serão um dos mais representativos projetos de energia renovável da região do Vale do Tennessee e as maiores já construídas pela companhia. Na nota oficial enviada à imprensa, a empresa diz que “a implementação desses parques solares é uma maneira econômica de adquirir energia limpa e sustentável”.

Elisa Meira Bastos